segunda-feira, 28 de julho de 2014

Reze COM TECLA




Música ambiente...

Canto inicial: “Não nos cansemos de fazer o bem.” (CD Palavras Sagradas do Apóstolo Paulo, COMEP)

Motivação: Em silêncio profundo, contemplemos o mistério de Deus que assumiu nossa condição humana, passou sua vida fazendo o bem e quis permanecer entre nós na Eucaristia. Ele é o Deus conosco. Ele nos assegura: “Não temais, eu estou convosco, daqui quero iluminar...”

Canto: Eu sei, eu sei, eu sei, em quem acreditei. (CD Palavras Sagradas do Apóstolo Paulo, COMEP)

Partilha: Apresentar a Deus Trindade, por meio de Irmã Tecla a realidade da nossa vida e de nossa família: as pessoas, os projetos, os problemas, os desafios... (a cada três participações, repetir o refrão: Não nos cansemos de fazer o bem...)

Leitura: Palavras de Mestra Tecla em janeiro de 1927: “Coloco desde já as intenções nas minhas orações, sofrimentos, todas aquelas intenções que Jesus na Hóstia Santa tem e quero renovar essa oferta a cada batida do meu coração. 
De noite quando durmo, quero que o meu respiro esteja em comunhão continua com meu Deus
Em cada respiro quero dizer: Jesus está conosco e nós estamos com Jesus (...) Graças a Deus. Faça-se a tua vontade”.

Canto: Jesus está conosco, nós estamos com Jesus" (CD Sobre mim a mão do Senhor - COMEP)

Texto Bíblico: A Palavra de Deus ocupou um lugar especial na vida da Irmã Tecla e nisto ela é um exemplo para nós. Ela encarnou a Palavra em sua vida. Vamos fazer memória da Palavra de Deus em nossa vida, partilhando espontaneamente aquela frase ou aqueles versículos que são para nós uma motivação para vivermos melhor a nossa vocação.

Exame de consciência: À luz desta Palavra de Deus, façamos o Exame de Consciência (pausa)

Canto: Como se visse o invisível
Como se visse o invisível, você caminhou 
Como se aurora já raiasse você acreditou,
você acreditou!

1. Você foi Maria e Marta numa vida em comunhão 
Como a luz que se faz dom,
como o amor que se faz pão. 
Irmã Tecla tão singela, semeadora escondida
Do pequeno grão do Reino às crianças prometido. 

2. Você foi fiel e forte quando a noite descambou 
No caminho da esperança você nunca se cansou 
Você ouviu a voz do povo
que no mundo inteiro chama 
E partiu levando a vida como luz que se derrama. 

3. Você olhou bem alto e longe,
mas pisou bem firme o chão 
E mostrou na antiga estrada, novos meios pra missão 
Sua vida é chama acesa que ilumina nosso andar 
Canto novo anunciando a manhã que vai chegar.

(Composição de Ir. Maria Luiza Ricciardi, fsp)

Oração: Rezar a primeira parte do Pai-nosso:
Em que situações, pessoas ou realidades nós queremos que o nome de Deus seja santificado e que venha o seu. E onde nós queremos que seja feita a sua vontade?
Rezar a segunda parte do Pai-nosso
Onde nós queremos que não falte o pão de cada dia, onde nós sentimos que a haja perdão, onde há necessidade da força de Deus para não cair tentação, onde nós precisamos ser livres do mal?

Canto final: "Toda língua proclame Jesus Cristo é o Senhor" (CD Palavras Sagradas do Apóstolo Paulo, COMEP)

quinta-feira, 5 de junho de 2014

Obrigada "mãe Tecla"!

Mestra Tecla continua, no céu, a ajudar a quem precisa. Ela pede a Deus por nós, aquilo de que necessitamos: saúde, decisão vocacional, emprego e, sobretudo ela se faz amiga e "mãe"  fiel por muitos anos.
É o que nos garantem seus devotos.

Ivonilde:
Peço pela saúde de meu esposo em especial e toda a minha familia!!

Silvana Barone:
Obrigada, Mãe Tecla, por me acompanhar por tantos anos.

Elesvan Morais: Peço a Ir. Tecla a graça e a coragem de responder o chamado de Deus

Julieta Maria dos Santos: peço a mestra tecla pelo meu emprego que tanto desejo e necessito.

quinta-feira, 3 de abril de 2014

Mestra Tecla, intercede por nós a Deus!



Julieta Maria dos Santos: peço a mestra Tecla pelo meu emprego que tanto desejo e necessito.

Zenilga  Livramento: preciso de orações para reverter o meu olho esquerdo.Peço a ir Tecla Merlo que interceda ao PAI 

Rosa Maria de Moraes: peço a Deus que me ajude meu empréstimo

Marcia Courtois de Mello: pela cura e libertação de minha filha Luciana

Rogerio: Pela vossa intercessão peço pela vida do jovem Thiago que está com AIDS e vicio das drogas

Vera F. Reolon: Por intercessão da venerável Metra Tecla peço a Deus Pai o restabelecimento da saúde de minha filha

Maria Niete: Venerável Tecla interceda a Deus p/que ter a graça do meu processo de readaptação no TJ 

Olinda França: Que a Venerável Ir. Tecla interceda à Deus pela recuperação da saúde de EMANUEL JORGE GUIMARÃES JÚNIOR

Maria Bernadeth C Ferraz: Pela restauração do meu ombro esquerdo

Silvia: Que a venerável Tecla me ajude a conseguir o trabalho que quero com a graça de Deus.

Maria P.E.Soeiro: Peço oração pela minha saúde dos meus filhos Gabriel e Luan

Oldina: por bênçãos no trabalho de meu esposo.

Veny: cura de um mioma!

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Venerável Mestra Tecla - 23 anos da proclamação como Venerável

22 de janeiro, 
23 anos da proclamação de Mestra Tecla Merlo como Venerável,
pelo papa João Paulo II 

Recordando...
No dia 28 maio de 1961, em Ariccia (Itália), durante os Exercícios, na festa da Santíssima Trindade, Mestra Tecla ofereceu a vida para que todas as Filhas de São Paulo sejam santas.
No dia 16 junho de 1963 foi atingida por um espasmo cerebral. Foi hospitalizada em Albano (Itália).
No dia 7 de julho do mesmo ano, restabelecida, volta para Roma para uma breve visita; reúne todas as irmãs na Via Antonino Pio para saudá-las e agradecê-las pela sua cura. A sua serenidade e o abandono em Deus comovem a todas.
Em 22 agosto de 1963 experimenta grande alegria pelo encontro com o papa Paulo VI, na visita à casa de saúde Regina Apostolorum, de Albano Laziale.
Em 22 novembro de 1963 foi acometida  por um novo e mais grave espasmo cerebral. Pe. Alberione lhe administrou  a unção dos enfermos.
Em 5 fevereiro de 1964 morreu em Albano, na casa de saúde Regina Apostolorum, após uma hemorragia cerebral. Foi assistida espiritualmente por pe. Alberione. Era uma quarta-feira.
Dia 7 fevereiro de 1964 realizaram-se os funerais na capela da casa de saúde. Presidiu  pe. Tiago Alberione. O corpo segue para Roma, ao Santuário Maria, Rainha dos Apóstolos, para possibilitar às irmãs e demais membros da Família Paulina, vê-la mais uma vez.
Dia 8 fevereiro de 1964 realizou-se solene funeral no Santuário com a presença do Cardeal Arcadio Larraona, prefeito da Sagrada Congregação dos Ritos, que fez a homilia fúnebre. Foi sepultada no cemitério monumental de Verano.
De 3-7 fevereiro de 1967 foi feita a exumação do corpo do cemitério de Verano para a sepultura privilegiada na subcripta do santuário Maria, Rainha dos Apóstolos, em Roma.
Dia 6 de fevereiro, funções solenes no santuário. À tarde, funeral solene na cripta, com a presença dos representantes de toda a Família Paulina.
Dia 7 de fevereiro foi enterrada no sepulcro da subcripta.

Processo canônico da venerável Mestra Tecla Merlo

Dia 11 de julho 1967 foi feito o pedido ao Cardeal Arcadio Larraona, prefeito da Sagrada Congregação dos Ritos, para dar início aos processos informativos referentes à Mestra Tecla Merlo.
Dia 15 de julho de 1967 a Sagrada Congregação dos Ritos emitiu o Decreto para a abertura do processo ordinário informativo.
Dia 26 de outubro de 1967, em Roma, no Vicariato, teve início o Processo Ordinário para recolher os testemunhos e a documentação sobre a fama de santidade, vida, virtudes e milagres de Mestra Tecla. Foi encerrado em 23 de março de 1972.
Dia 10 de dezembro de 1967  foi aberto o Processo Rogatorial no Tribunal eclesiástico de Alba. Encerrado em 4 de maio de 1971.
Dia 21 de outubro de 1982 foi aberto o Processo Apostólico no Vicariato de Roma. Encerrado em 17 de junho de 1987. A abertura e o encerramento do Processo foram feitos no Vicariato, na sede do Tribunal.
Dia 22 janeiro de 1991, o papa João Paulo II assinou o Decreto com o qual reconheceu a heroicidade das virtudes de Mestra Tecla e a proclamou venerável.
 
Online Advertising heloc